26 anos sem o Maluco Beleza

sexta-feira, agosto 21, 2015 Hell F. 58 Comentários

Homenagem ao aniversário da morte de Seixas

Bom dia, manolos! Esta sexta-feira remete à nostalgia, já que há exatos vinte e seis anos falecia o gênio do rock brasileiro, Raul Seixas. Em 26 anos de carreira, gravou cerca de 17 discos e serviu como referência para tantos músicos por aí...


O carismático baiano chegou a integrar uma banda (chamada The Panters - posteriormente, Os Panteras) antes de ingressar na carreira solo. Abalado com o fracasso do grupo em esfera nacional, Raulzito voltou para Salvador e recebeu uma chance de voltar para a música, só que compondo para artistas da Jovem Guarda.

Insatisfeito com os bastidores, conheceu o "mago" Paulo Coelho, amizade esta que se tornou uma parceria bem sucedida e lucrativa para ambos. Juntos criaram a Sociedade Alternativa, baseada na filosofia e em práticas ocultistas do misterioso, temido e (por quê não?) genial Aleister Crowley (chamado por alguns de bruxo negro, por outros de criador do estudo Thelema e também divulgador de Demonologia, Goétia e outras paradas bem hardcore HAHAHA).


Algumas músicas possuíam célebres frases de Crowley, como: “Faz o que tu queres, há de ser tudo da lei”. Outras se tratavam de duras críticas à realidade política e também dotadas de humor negro com personagens bem conhecidos, como na canção "Al Capone": "Ei Jesus Cristo, o melhor que você faz é deixar o Pai de lado, foge pra morrer em paz".


Excêntrico, irreverente, rebelde, fascinado por Filosofia e talentoso para composições, o Maluco Beleza chegou a ser preso e exilado para os States junto do amigo Paulo Coelho. Mas seu sucesso foi tão arrebatador com o LP "Gita" que o governo brasileiro teve de recuar e aceitar a volta dos artistas em território nacional.

Após experimentar a glória da fama, também sentiu na pele as mazelas da dependência química, e em 21 de agosto de 1989, finalmente virou uma estrela.
 Sou suspeita pra falar de Raul, pois adoro suas letras e também sua pegada mística. Embora eu não seja fã de hippies nem acredite em tudo que a linha de Crowley dita (auehuaehaue), acho interessante que um músico brasileiro tenha saído da mesmice e mergulhado em um modo de vida revolucionário e completamente de encontro com os bons costumes religiosos, ainda mais em plena época das opressões da ditadura militar.

Em razão desse conhecido envolvimento com forças ocultas, existem várias teorias da conspiração a respeito da trajetória e também da morte do músico,  mas o fato é que ninguém sabe o que de fato aconteceu, logo a maior herança que ele nos deixou foi sua obra.
Encerro o post com uma pontada de tristeza no coração, mas com alguns vídeos de Seixas e seus clássicos para quem quiser relembrar:


Hell (bat0mcomalcool)

AUTOR

Hell (bat0mcomalcool). Vulgo Hell {Ellen F.}. Ex-punk, fumante inveterada, colorida e rabiscada. Geminiana em dobro. Filha de Xoroquê e neta da Grande Mãe. Adotou o deboche como filosofia de vida e aceita a decadência como eterna companhia. Viciada em História, política, poesia, cultura vintage, seriados, literatura e The Sims.

58 comentários:

  1. Ai Hell que post perfeito cara, eu amo o Raul, caraca que data triste =/// Gosto de todas as musicas, nao so as mais conhecidas, gosto das que ninguem nunca ouve tbm hahaha
    Adorei os videos selecionados, vou assistir a todos <3333

    "Eu sou astrologo, voces precisam acreditar em mim/eu sou astrólogo e conheço a História do princípio ao fim"

    VIVA RAUL!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  2. 26 anos já? Que pena que ele se foi, pois foi grande artista!

    http://heyimwiththeband.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Grande Raul <3 Amo muito!
    beeijos,

    www.marinaalessandra.com

    ResponderExcluir
  4. A expressão escreve Raul nunca fez tanto sentido , amo as composições dele ,um grande gênio ,gosto muito da fase Raul Paulo Coelho ......
    http://jessicavenenoofficial.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Legal conhecer um pouco da história desse fenômeno brasileiro.
    Ele era bem maluco mesmo rsrs

    http://www.jj-jovemjornalista.com/

    ResponderExcluir
  6. Sério que já são 26 anos?
    Cara, essa retrospectiva foi tão maravilhosa e nostálgica, muito interessante conhecer um pouco mais sobre ele.
    Estou passando para fazer-lhe um convite, você gosta de O Pequeno Príncipe? Essa é uma semana especial lá no blog, com testes, sorteios e postagens especiais, participe e compartilhe conosco, desse maravilhoso clássico da literatura!

    http://www.revolucaonerd.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Muito bom o seu post! Gosto muito das letras do Raul Seixas, não sabia que tinha tanto tempo que ele tinha morrido.
    Beijos
    Bluebell Bee

    ResponderExcluir
  8. Aaah o maluco beleza deixou saudades, ate hoje nos roles canto com meus amigos as musicas dele. :)

    SORTEIO
    3 MASCARAS RECONSTRUTORAS
    1 BOTOX
    LINHA LOVYLE A MELHOR DO BRASIL
    APENAS COMENTE PARTICIPANDO
    http://50tonsdealgumacoisa.blogspot.com.br/2015/08/sorteio.html
    BEIJOS KATIE BITTENCOURT

    ResponderExcluir
  9. Uma grande perda mesmo!!
    Mas ver esse post maravilhoso fez a saudade diminuir um pouquinho!!
    Parabéns pelo post, muito bem escrito.

    Beijos.

    http://creepybeauty.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigadaaaa, Su. Faz tempo que não vou ao Creepy (aliás, faz tempo que não tenho tempo pra nada :/).
      Senti sua falta por aqui <3

      Beijos e obrigada pela visitinha, lindona =*

      Excluir
  10. Ja tem tudo isso? Tai um artista que faz falta de verdade na música brasileira... Salve Raul ♥

    ResponderExcluir
  11. Adorei a biografia Hell, gosto muito das lições do Livro da Lei (do Mr Crowley) e o Raul Seixas é mesmo incrível :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também acho Crowley fascinante, Duda (apesar de não acreditar em demônios necessariamente, mas em espíritos do mais baixo astral). Obrigada ;*

      Excluir
  12. Caramba, já faz tempo!
    Ele morreu e eu estava nascendo =/
    Confesso que não curto muito, mas entendo a grande contribuição que ele fez no nosso cenário musical... Realmente revolucionou.

    www.vodkaescarpin.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também era um neném de colo, Nanda.
      AHEUAHEUEAHUE
      Sim, sim. Mesmo quem não curte o ritmo, as letras ou o próprio Raul, sabe da importância dele pra nossa música.

      Beijos =*

      Excluir
  13. Infelizmente eu não peguei a época dele, mas não precisa ser nenhum gênio para saber que as músicas dele estão presentes na nossa vida até hoje né?
    Adorei a biografia
    beijos, Um Mundo Em Duas 

    ResponderExcluir
  14. É um dos meus ídolos =/ Ninguem respeita o Paulo Coelho, mas ele é o real genio por tras do Raul e se nao fosse por ele, as musicas nao teriam tanto sentido. Gosto demais dos dois.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. HAUEHUEHAEU Mesmo sendo zuado, o Paulo ainda samba na cara de muita gente. Não sou fã, mas também não tenho nada contra, inclusive muitos dos textos dele me ajudaram muito :).
      Concordo que a parceria foi incrível e resultou em um legado impagável.
      Obrigada pelo comentário, Aline ;*

      Excluir
  15. Não sou da época do Raul, mas admiro muito suas obras. Não conhecia esse lado "oculto" dele, post muito interessante!

    www.wewant.com.br

    ResponderExcluir
  16. Um grande artista.
    http://retromaggie.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  17. Esse deixa saudade ♡

    ResponderExcluir
  18. Sabe que eu não sabia desse lado místico dele?! Já saí correndo pra pesquisar porque adoro essas vibes de teorias da conspiração e tudo mais :))

    Red Behavior

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. HAHAHAHAHAHA também sou dessas, Duda. Sou fascinada pela pegada ocultista na trajetória do Raul *-*.

      Excluir
  19. Não sou da época do Raul também, mas sim, conheço as músicas sei cantar todas as mais famosas e conheci pouco da historia dele, esse post me ajudou acrescentando os meus conhecimentos sobre ele!
    Obrigadaaa <3
    TOCA RAUUUUULLLL kkkkkkkk' ~essa é tipica~

    www.youngblood.blog.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. HAHAHAHA a melhor frase das fogueiras com viola e vinho *-*

      Beijão, Giselle ;*

      Excluir
  20. Como passa rapido ne!!
    Adorei o post! beijinhos, Rê
    http://blogsonhosdeverao.com.br

    ResponderExcluir
  21. Muito tempo já se passou heim *o*

    http://heyimwiththeband.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  22. nossa, muito tempo mesmo hein! ele é com certeza um ícone, uma lenda do rock nacional!

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  23. Nossa, quanto tempo! Passa tão rápido!
    Beijo

    Dicas para Todas

    ResponderExcluir
  24. Eu amooooo esse blog, já falei isso? Sou louca pelo Raul!!

    Aliás, esse teve que ir pro Top Posts. Dá uma olhada que indiquei vocês: Meu Meio Devaneio

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OMGosh, Soraya, YAYYY.

      Que linda, muito obrigada <3

      Beijãozão procê =*

      Excluir
  25. Essa é a comprovação de que as pessoas boas se vão mais cedo </3 e isso é muito triste, mas vale lembrar pra sempre né? O bom é que essas pessoas boas marcam.

    Beijos!
    www.likeparadise.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Um artista foda como o Raul marca até pela data da morte *-*.

      Excluir
  26. Não sabia desse lance do Crowley, que bizarro! Conheço as músicas dele pela minha mãe, que ouvia bastante, e sempre achei genial as letras! Falta gente como ele na música brasileira

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Interessante né, Marina? Minha mãe também tinha os LPs, tanto dele como do Cazuza, mas ela preferia Roberto Carlos ¬¬ hahahaha.

      Excluir
  27. Nossa, faz tempo!
    Eu tinha apenas 1 ano quando ele morreu, e mesmo assim adoro as musicas dele.
    Adorei o post!

    Beijos,
    Juh
    umminutoumlivro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também não peguei essa época boa, Juh. Mas graças aos deuses os discos serviram pra isso, haha.

      Beijos :*

      Excluir
  28. Não dá para ignorar o legado deste artista único! A história dele é muito interessante e gera influências fortes até hoje!
    Bem legal o post!

    ResponderExcluir
  29. De artistas assim que o mundo sente falta. Vivemos carentes de músicos, principalmente nacionais, tão diferenciados como Raul, Cazuza, Tim Maia e outros.

    Beijos Hell, sempre encontro algo interessante por aqui :-D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Infelizmente é isso mesmo, Vítor. Apesar do grande acervo de músicos maravilhosos que ainda estão vivos, receio que a próxima geração não mantenha a mesma qualidade.
      Muito obrigada pela visita, meu amigo ;*

      Excluir
  30. Não cheguei ter oportunidade de conhecer sua obra enquanto vivo, mas ele deixou um grande legado pra cultura e para musica. Ah, e sobre eu não postar no blog, foi porque eu estava sem computador, ai tive que me ausentar um pouco, mas já to voltando.


    abraços,
    www.oquefaltou.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também não tive essa chance, mas ao menos a obra deixada foi o suficiente para conhecermos esse maravilhoso artista. Obrigada pela visita, Edwin. Que bom que retornou à blogosfera ;)

      Excluir
  31. Demais! É triste perceber que os "mitos" se vão cedo... Foi um grande músico, tanto que é difícil encontrar alguém que não o conheça e suas canções. Salve Raul!

    www.ladocarioca.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Infelizmente os "bons morrem jovens", já dizia Renato Russo (outro exemplo) AHHAAH.
      Obrigada pela visita, Nathália =*

      Excluir

 Espaço livre para sugestões, críticas e elogios;
 Você pode comentar como anônimo ou utilizando seu nome/URL, conta do Gmail ou Wordpress;
 Sua opinião é bem-vinda, contanto que não seja homofóbica ou racista. Agradecemos :)